Pesquisar este blog

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Explosão de sentimentos


Explicar o que se passa dentro de nós em alguns momentos é quase impossível, até mesmo para alguém como eu que tem facilidade de expressar o que se sente, mas acredito que isso se deve ao fato de que nem mesmo nós nos conhecemos como gostaríamos. Mas vamos lá, tentarei compartilhar um pouco do muito que sinto agora, esse turbilhão de sentimentos que nós faz tão bem, mas por vezes nos consome por dentro e nos faz tanto mal. Minha vida tem se resumido a buscar respostas para muitas perguntas, fico pensando, refletindo sobre indagações que sempre insiste em tirar minha paz me deixando inquieta, confusa e perdida, odeio me sentir assim, sem saber o que fazer. Eu seria muito hipócrita se dissesse que sou uma pessoa realizada em tudo, pelo contrário, me sinto o oposto disso. E também penso que ninguém é, mas ao sentir-me assim, percebo que estou sendo ingrata diante de tantas maravilhas e cuidado do Senhor para com minha vida e minha família.

Fico tão triste às vezes por saber que Deus sendo meu Pai e soberano sobre todas as coisas, poderia tornar tudo menos complicado para mim, mas não, é como se o Senhor quisesse me deixar quebra a cara mesmo, cair até que eu aprenda como se deve andar. É como se Ele me dissesse: Filha, se Eu não lhe ensinar a andar com suas próprias pernas e faze-la entender o que é preciso, não saberá cuidar e valorizar aquilo que tenho pra você, não reconhecerá o que é teu Fabiana. Eu fico tão brava comigo mesma tem hora, e com isso me sinto a pessoa mais idiota do mundo. Esse tempo em que passei sem escrever no blog, na realidade não existe um motivo específico se não mesmo a falta de vontade em dizer o que acho que DEUS e todos já estão cansados de sabe e ouvir. Embora cada um de nós tenha sua própria experiência, e em muitas coisas nos identificamos um com o outro, eu pensava comigo: o que mais posso dizer que já não tenha dito e compartilhado, sou assim mesmo, hora tenho muito pra falar, outra é como se um vazio se alojasse dentro do meu coração e todas as palavras somem de repente. Apenas me calo e nada mais.

Não sou do tipo que precisa se sentir inspirada para escrever, nunca fui assim não mesmo!  Até por que sei que a cada palavra que sai dos meus lábios chegando de encontro ao seu coração, são todas extraídas de uma pessoa que vive uma vida normal como qualquer outra, e essa sou eu, mas a cada palavra externada sei que vêm do próprio Espirito de Deus. Mas gosto de fazer as coisas quando tenho vontade, acho que isso em alguns momentos tem sido ruim pra miml. Mas tem hora que penso não fazer tanta diferença se eu compartilho ou não, afinal de contas escrever é algo que faço por vontade própria, não tenho o compromisso e dever de falar de minha vida para quem quer que seja. Mas quando penso que posso estar ajudando alguém a colocar para fora o que o deixa sufocado a ponto de causar–lhe feridas na alma, mas esse não sabe como fazer, então quando sou lembrada pelo Espirito Santo de Deus que as palavras da realidade que hoje me machuca, elas podem sim arrancar sorrisos de alguém e trazer cura. Quando entendo que expor minha vida para milhares de pessoas a qual nem mesmo conheço significa dar a elas a resposta de Deus, então volto para o que Ele tem me chamado, e escrevo novamente.

Mas por vezes tenho aquela sensação de incapacidade, aquela coisa de dizer, há Deus pra que eu vou falar ou fazer isso, que diferença está fazendo, já que na minha vida nada acontece mesmo, acho que sou uma mentira. Mas no fundo sei que essa é uma grande estratégia do diabo para me fazer parar, pois com tudo tenho tido o privilégio de conhecer grandes pessoas de Deus, e mesmo de longe sei que posso abençoa-las e ser abençoada. Com tudo, se ainda não posso ter minhas respostas, então que minhas experiências e lutas seja a resposta de alguém que assim como eu também tem vivido um Turbilhão de Sentimentos.

Fico pensando como é possível alguém amar tanto ao Senhor, ao ponto de senti-lo mais que qualquer outra coisa, é como se eu pudesse vê-lo, tocar nEle sabe queridos, mas como pode tudo isso, se por outras vezes sinto uma raiva de mim por ser quem eu sou e chateada por saber que Deus tem deixado muitas coisas acontecer em minha vida e outra não. Sempre confessei o Senhor como sendo o meu tudo, por que é assim que o sinto, mas tenho que dizer que nunca tive tanta vontade de desistir como tenho agora, não digo nesse exato momento, mas têm passado pelo meu coração. E o mais louco de tudo isso é que eu nunca amei e senti tanto a presença do Senhor como sinto hoje. Nunca quis tanto algo como desejo o Senhor.

Embora pense que não mereço, pois sou muito falha, mas ainda sim eu não posso desistir e abrir mão dos cuidados do meu pai. Sei que em muito tenho que me consertar, mas oro para que o Senhor me alcance com poder e graça a cada instante da vida que Ele mesmo me deu, pois somente Ele me compreende no mais profundo e infinitamente mais que eu mesma. Como dizem; pedido sem oração é pedido sem resposta; acho que estou mesmo precisando dedicar mais tempo a sós com o meu Pai, como diz um amigo, ter meu momento de Ostracismo. O silêncio de Deus machuca mais que uma faca afiada em nosso peito, e o pior de tudo isso, é que às vezes a resposta está nos Silêncio, ou seja, nos machucamos ainda mais.

Fico me achando uma louca completa, pois hora estou animada, sinto uma força que mal consigo explicar, outra hora um cansaço toma conta de mim que só chorando para aliviar a dor. Eu peço ao Senhor que arranque do meu coração aquilo que por alguma razão Ele não me permitir viver, por que sei que não mereço, mas não posso viver com tantas perturbações e sentimentos incompreendidos dentro de mim. Só sei de uma coisa, em meio às lágrimas, pedidos e perguntas sem respostas, aos "Não” de Deus, em meio a tudo isso, a única coisa da qual tenho certeza é que sem a presença dEle não vale a pena continuar. Por isso, me mantenho viva por que sei que somente o Senhor pode iniciar dar continuidade e concluir a obra que Ele mesmo começou em cada um de nós, e ainda que doa, eu não vou desistir.

Onde você estiver meu amado lembre-se que nós somos seres humanos totalmente dependentes de Jesus, limitados e fracos, mas em Deus é totalmente possível vencer qualquer obstáculo mesmo que a circunstância esteja contrária nesse momento. Quero me agarrar e encontrar forças para viver apenas esse pequeno versículo da palavra do nosso Deus, mas acredito que resumi tudo ao qual precisamos para aprender viver e sobreviver nesse mundo ao qual fazemos parte, mas não pertencemos.

"Invoca-me e te responderei, anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes. 
Jeremias 33:3."



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar e me acrescentar ao coração. Sejam sempre bem vindos!!